Introdução

A queilite angular, também conhecida como boqueira, é uma condição inflamatória que afeta os cantos da boca. Esta condição pode ser dolorosa e desconfortável, e muitas vezes é causada por uma combinação de fatores, incluindo infecções fúngicas, bacterianas ou virais, deficiências nutricionais e até mesmo hábitos como lamber os lábios constantemente. Neste glossário, vamos explorar mais sobre o que é a queilite angular e como ela pode ser tratada.

Causas da Queilite Angular

A queilite angular pode ser causada por uma série de fatores, incluindo infecções fúngicas, bacterianas ou virais. A presença de Candida albicans, um tipo de fungo, é frequentemente associada à queilite angular. Além disso, deficiências nutricionais, como a falta de ferro, zinco, vitamina B2 e vitamina B3, também podem contribuir para o desenvolvimento desta condição. Outros fatores, como a saliva acumulada nos cantos da boca devido a hábitos como lamber os lábios constantemente, também podem desencadear a queilite angular.

Sintomas da Queilite Angular

Os sintomas da queilite angular podem variar de pessoa para pessoa, mas geralmente incluem fissuras nos cantos da boca, vermelhidão, inchaço, dor, sensação de queimação e até mesmo crostas ou feridas. Estes sintomas podem ser mais intensos durante a alimentação ou ao abrir a boca, o que pode causar desconforto e dificuldade para falar ou comer.

Diagnóstico da Queilite Angular

O diagnóstico da queilite angular geralmente é feito por um dermatologista ou dentista, que irá examinar os cantos da boca em busca de sinais de inflamação, infecção ou outras anormalidades. Em alguns casos, pode ser necessário realizar exames laboratoriais para identificar a causa subjacente da queilite angular, como testes de cultura de fungos ou bactérias.

Tratamento da Queilite Angular

O tratamento da queilite angular pode variar dependendo da causa subjacente da condição. Em casos de infecções fúngicas, o uso de antifúngicos tópicos ou orais pode ser recomendado. Para infecções bacterianas, antibióticos tópicos ou orais podem ser prescritos. Além disso, a correção de deficiências nutricionais, como a suplementação de ferro, zinco e vitaminas do complexo B, pode ajudar a aliviar os sintomas da queilite angular.

Prevenção da Queilite Angular

Para prevenir a queilite angular, é importante manter uma boa higiene bucal, evitar lamber os lábios constantemente e manter os cantos da boca secos e limpos. Além disso, é fundamental manter uma dieta equilibrada e rica em nutrientes essenciais para a saúde da pele e das mucosas, como ferro, zinco, vitamina B2 e vitamina B3.

Complicações da Queilite Angular

Em casos mais graves, a queilite angular pode levar a complicações como infecções secundárias, cicatrizes permanentes nos cantos da boca e até mesmo dificuldade para abrir a boca ou se alimentar. Por isso, é importante procurar tratamento adequado o mais rápido possível ao notar os sintomas da queilite angular.

Conclusão

Em resumo, a queilite angular é uma condição inflamatória que afeta os cantos da boca e pode ser causada por uma série de fatores, incluindo infecções fúngicas, bacterianas ou virais, deficiências nutricionais e hábitos como lamber os lábios constantemente. O diagnóstico precoce e o tratamento adequado são essenciais para aliviar os sintomas e prevenir complicações. Mantenha uma boa higiene bucal, evite hábitos prejudiciais e consulte um profissional de saúde se notar qualquer sintoma de queilite angular.