Cicatrizes

Apresentada de variadas formas, tamanhos e profundidades, as CICATRIZES podem surgir a partir de espinhas, cirurgias ou acidentes. Isso porque quando há qualquer tipo de trauma na pele, ela precisa se curar, e então começa o processo de cicatrização - que pode acabar deixando marcas maiores ou menores, dependendo da causa e local do trauma.

Quando acontece a cicatrização, cada pele e local podem ficar diferentes, alguns sendo mais bonitos esteticamente e outros até comprometendo a movimentação do local afetado. Cicatrização é o nome dado ao processo natural de cura de um ferimento, por acidente, doença ou cirurgia. Seu tamanho e intensidade variam de acordo com o tempo em que a pessoa ficou ferida e o tipo de pele.



No geral, CICATRIZES tornam-se mais discretas com o passar do tempo e costumam deixar marcas mais intensas em locais onde a movimentação é constante, como na mandíbula, nos joelhos, cotovelos, ombros, costas e pés.

Da mesma forma que existem diferentes tipos de CICATRIZES, também é possível encontrar diferentes tratamentos para tentar diminuir seus efeitos, como uso de cremes até cirurgias plásticas. No entanto, é importante saber que as CICATRIZES não desaparecem por completo, o objetivo dos tratamentos é deixá-las menos perceptíveis. Para tanto existem diversas possibilidades, recomendados de acordo com o tipo e local da cicatriz. Veja alguns tratamentos:

INTRADERMOTERAPIA
A Intradermoterapia é um método que permite a injeção de medicamentos diretamente na área afetada, sendo recomendável para o combate a celulite e gordura localizada. Embora seja invasivo, tem como vantagem restringir a ação do medicamente exclusivamente na região desejada. Isso é bem diferente de ingerir um remédio via oral e fazê-lo atingir todo o sistema vascular. A Intradermoterapia é realizada com o uso de agulhas curtas para a injeção dos medicamentos.



LASER ABLATIVO FACIAL
O Laser, utilizado amplamente na medicina, é usado especialmente no rejuvenescimento facial, melhora do aspecto de cicatrizes pós-operatórias e de acne, além de melhora do aspecto de estrias e de alguns tipos de manchas. Dentre as diversas tecnologias a laser hoje disponíveis, optamos pelo uso do laser ablativo. Este tratamento permite uma melhora da textura e firmeza da pele, e pode ser realizado na face, pescoço, colo, braços e mãos, bem como outras áreas corporais com cicatrizes e estrias.


PREENCHIMENTO CUTÂNEO
O Preenchimento Cutâneo é uma técnica utilizada para a correção de sulcos, rugas e cicatrizes. Consiste na injeção de substâncias sob a área da pele a ser tratada, diminuindo a sua profundidade, com consequente melhora do aspecto. A técnica pode ser realizada no consultório, sendo um procedimento rápido e que, na maioria das vezes, não necessita de anestesia. Para pessoas mais sensíveis, se desejado, podem ser utilizados anestésicos tópicos, sob a forma de cremes. A técnica é muito utilizada para atenuar o sulco nasogeniano (bigode chinês) ou ao redor dos lábios (código de barras).


MICROAGULHAMENTO
A Terapia Percutânea de Indução de Colágeno, conhecida também como Microagulhamento, é o estímulo mecânico à produção de colágeno realizado por meio do rolamento de um cilindro com pequenas agulhas, que provocam micro lesões na pele. O tratamento é indicado para rejuvenescimento em geral, melhorando rugas, flacidez e textura da pele, além de acne, cicatrizes e estrias. Também é um tratamento complementar após sessões de toxina botulínica, preenchimento e peeling. No entanto, também há indicações do uso do Microagulhamento para os cabelos, sendo aplicado no couro cabeludo para a calvície e queda de cabelo, tanto em homens como em mulheres.


PEELING QUÍMICO
O Peeling Químico utiliza substâncias ácidas sob a pele com o objetivo de remover a camada mais externa, estimular a renovação celular e promover a esfoliação da mesma. O procedimento é indicado para remoção de manchas, acne, marcas de envelhecimento causadas pelo sol e melhora da textura da pele de uma maneira geral. As substâncias químicas utilizadas são ácido retinoico, salicílico, glicólico, mandélico, entre outros. Dependendo da substância, o tratamento pode ser feito na camada superficial da pele, na camada intermediária ou chegar até a camada mais profunda.

AGENDE ATRAVÉS DO WHATSAPP